Microsoft anuncia a compra da divisão mobile da Nokia por 7,2 bilhões de dólares

A compra engloba os negócios e as patentes da empresa finlandesa.


Uma das parcerias mais bem sucedidas no mercado móvel nos últimos anos, acaba de se consolidar, ou melhor a parceria em si acabou, pois a Microsoft acaba de anunciar a compra da divisão móvel da Nokia, incluindo o mercado de negócios e as patentes da empresa finlandesa, trazendo a linha Lumia para o controle total da empresa desenvolvedora do Windows Phone, o que promete uma melhora na integração entre software e hardware.

Quando o negócio for concluído em 2014 a Microsoft irá pagar o equivalente a US$ 4.99 bilhões pela divisão de negócios e mais US$ 2.18 bilhões pela patentes da Nokia, totalizando a quantia de US$ 7.17 bilhões (aproximadamente R$ 16.77 bilhões). O valor é relativamente menor ao pago pela Microsoft na aquisição do Skype em 2012. A transação prevê a transferência de 32 mil trabalhadores da Nokia para a Microsoft, sendo que do total, 18.300 pessoas trabalham "diretamente envolvidos na fabricação".

A negociação já tinha falhado em junho, quando parecia que o negócio não mais se concretizaria. A união das duas empresas foi chamada pelo CEO da Microsoft, Steve Ballmer, de "um passo ousado em direção ao futuro" e que "agora é a hora de aproveitar esse momento e acelerar a nossa parte e os lucros em telefones".

Com a linha Nokia ASHA a Microsoft promete popularizar o Windows Phone, levando um aparelho barato para milhões de consumidores com menor poder aquisitivo, sendo uma verdadeira "rampa de acesso para o Windows Phone".

Via The Verge

Google+

Sobre Flávio Prado

Entusiasta de tecnologia e fundador dos sites www.tech4fan.com.br e www.samsungdiscovery.com e também colaborador do TecheNet.com. Tem grande interesse nas áreas mobile e de computação pessoal.