Microsoft anuncia o Windows 10, a nova versão de seu sistema operacional


A Microsoft anunciou no último dia 30 de setembro o seu novo sistema operacional, e surpreendeu ao batizar o seu novo produto de Windows 10, já que a versão atual do OS é a 8.1, pulando, assim, a versão 9.0.

Entre as novidades do novo OS está a unificação entre as plataformas, visando uma experiência imersiva entre smartphones, tablets, notebooks e desktops. O foco será a integração do usuário em uma única plataforma de trabalho e também visual.


Um ponto positivo dessa integração será que desenvolvedores terão maior facilidade no desenvolvimento de aplicativos para o Windows 10, já que não precisaram criar apps específicos para cada dispositivo.

Menu Iniciar

Com o Windows 8 a Microsoft "matou" o menu iniciar, algo que não foi muito bem recebido pelos usuários, que passaram a ter um sistema voltado para telas touchscreen rodando em máquinas convencionais.

Para tentar diminuir esse desconforto entre os seus consumidores, a empresa de Bill Gates apresentou um botão iniciar tímido no Windows 8.1, que não se parecia muito com o anterior, e pouco mudou na experiência dos usuários.


Novo Menu Iniciar do Windows 10.
Mas com o Windows 10 o menu iniciar está de volta e muito mais funcional e parecido com aquele presente até o Windows 7. O novo menu iniciar agora mescla os informações clássicas com as Live Tiles características das versões mais recentes do Windows, e muito mais amigáveis às telas touch.

Janelas



Agora os aplicativos instalados através do Windows Store não mais serão obrigadas a rodarem em tela cheia, permitindo que mais de um aplicativo seja visualizado simultaneamente. Todas as abas abertas poderão ser visualizadas com o recurso batizado de TaskView.

O TaskView também contará com um botão dedicado na barra de tarefas, e permitirá a traco rápida entre arquivos e softwares abertos no sistema.

Múltiplas Áreas de Trabalho

O novo Windows 10 também trouxe um modo que permitirá que múltiplas áreas de trabalho sejam criadas e utilizadas simultaneamente, com uma troca rápida entre um ambiente e outro, ideal para quem utiliza um computador simultaneamente para trabalho e uso pessoal, por exemplo.



Um recurso chamado Snap View permitirá que aplicativos abertos em uma área de trabalho sejam transferidos facilmente para outro ambiente, deixando tudo organizado de acordo com a vontade do usuário.

Preço e Disponibilidade

O Windows 10 somente chegará ao mercado para o consumidor final no segundo semestre de 2015, ainda sem preço divulgado. Ao que tudo indica usuários do Windows 8.1 devem receber o upgrade gratuitamente, assim como ocorreu com os usuários do Windows 8 na ocasião de lançamento do Windows 8.1.

Google+

Sobre Flávio Prado

Entusiasta de tecnologia e fundador dos sites www.tech4fan.com.br e www.samsungdiscovery.com e também colaborador do TecheNet.com. Tem grande interesse nas áreas mobile e de computação pessoal.