STF nega recurso e Google poderá exibir resultados que liguem Xuxa à filme polêmico


Em última instância o Supremo Tribunal Federal - STF, negou o pedido da apresentadora Xuxa Meneghel para impedir que o Google exibisse nos resultados de buscas de usuários links que ligassem a apresentadora ao polêmico filme "Amor estranho amor", no qual Xuxa aparece em cenas eróticas com um garoto.

A ação foi ajuizada em 2010 na justiça do Rio de janeiro, que concedeu em primeira instância o pedido da autora (Xuxa). Em 2012 o Google recorreu ao STJ - Superior Tribunal de Justiça, que derrubou a decisão afirmando que um buscador não poderia ser responsabilizado pelo conteúdo postado por terceiro.

Inconformada Xuxa recorreu ao STF, mas o Ministro Celso de Melo negou seguimento ao recurso por entender que questões constitucionais não estavam presentes. Assim não cabe mais nenhuma discussão sobre o assunto, estando o Google autorizado a vincular o nome de Xuxa aos resultados de buscas sobre o filme citado acima.
Via NE10

Google+

Sobre Flávio Prado

Entusiasta de tecnologia e fundador dos sites www.tech4fan.com.br e www.samsungdiscovery.com e também colaborador do TecheNet.com. Tem grande interesse nas áreas mobile e de computação pessoal.