Confira a lista com os 20 filmes mais pirateados de 2014


Todo final de ano é tempo de retrospectiva, e com os filmes mais pirateados também não é diferente, porém a lista foi elaborada pela empresa Excipio, especializada em tentar prevenir a distribuição ilegal de conteúdo protegidos por direitos autorais, entre eles filmes, músicas e fotos.

O grande campeão de pirataria foi o filme "O Lobo de Wall Street", que foi baixado aproximadamente 30 milhões de vezes, estre os dias 1 de janeiro e 23 de dezembro de 2014. Mesmo com toda a pirataria o filme fatura US$ 392 milhões no mundo todo.

A animação "Frozen - Uma Aventura Congelante" e o filme "Robocop", do diretor brasileiro José Padilha, completam o top 3 respectivamente. Confira abaixo a lista completa com os 20 filmes mais baixados ilegalmente em 2014:

  1. O Lobo de Wall Street (30,035 milhões)
  2. Frozen – Uma Aventura Congelante (29,919 milhões)
  3. RoboCop (29,879 milhões)
  4. Gravidade (29,357 milhões)
  5. O Hobbit: A Desolação de Smaug (27,627 milhões)
  6. Thor: O Mundo Sombrio (25,749 milhões)
  7. Capitão América 2: O Soldado Invernal (25,628 milhões)
  8. Hércules (25,137 milhões)
  9. X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido (24,380 milhões)
  10. 12 Anos de Escravidão (23,653 milhões)
  11. Jogos Vorazes: Em Chamas (23,543 milhões)
  12. Trapaça (23,143 milhões)
  13. 300: A Ascensão do Império (23,096 milhões)
  14. Transformers: A Era da Extinção (21,65 milhões)
  15. Godzilla (20,956 milhões)
  16. Noé (20,334 milhões)
  17. Divergente (20,312 milhões)
  18. No Limite do Amanhã (20,299 milhões)
  19. Capitão Phillips (19,817 milhões)
  20. O Grande Herói (19,130 milhões)
Em 2013 "O Hobbit: Uma jornada inesperada" havia ficado com o título de filme mais pirateado, mas este ano a continuação do longa, "O Hobbit: A Desolação de Smaug", ficou com a quinta posição.
Via BBC

Google+

Sobre Flávio Prado

Entusiasta de tecnologia e fundador dos sites www.tech4fan.com.br e www.samsungdiscovery.com e também colaborador do TecheNet.com. Tem grande interesse nas áreas mobile e de computação pessoal.