Android M: conheça a nova versão do sistema móvel do Google


Durante a conferência Google I/O 2015 a empresa gigante das buscas apresentou a nova versão do Android, que por enquanto será chamado de Android M, ainda sem um nome oficial, o que também aconteceu quando do lançamento do Android Lollipop, que foi apresentado apenas como Android L.



Desta vez não há muitas alterações visuais, já que a grande mudança veio com o Material Design do Lollipop, mas não se engane achando que o Android M não trará novidades, elas existem e estão focadas principalmente na praticidade e segurança do sistema.

Entre as novidades está a nova maneira de controlar as permissões dos aplicativos, sendo que, ao invés de autorizar todas elas no momento da instalação do app, o usuário seja indagado aos poucos, cada vez que uma nova permissão for solicitada ao usar o aplicativo, deixando o controle de privacidade mais claro.

Integração com Google Chrome

Os smartphones e tablets passam quase o tempo todo conectados à internet, e praticamente todos os aplicativos acessam a rede mundial de computadores. Para otimizar essa experiência o Google permitirá que os desenvolvedores integrem o Google Chrome em seus aplicativos, criando o recurso chamado de "Chrome Custom Tabs", que permitirá que um link seja aberto pelo Chrome sem ter que sair do aplicativo.



Isso já acontece em alguns apps como o Facebook e o Twitter, que usam um navegador proprietário embutido em seus aplicativos, a diferença é que agora essa integração será com o próprio Google Chrome, permitindo a sincronização se senhas e favoritos.

Android Pay e Reconhecimento Biométrico



O mundo dos pagamentos mobile parece ser uma grande tendência do mercado da qual o Google não pretende ficar de fora, e o Android Pay será a aposta da empresa para concorrer com o Samsung Pay e o Apple Pay, que são os sistemas de pagamentos das empresas homônimas.

O serviço funcionará como uma plataforma aberta, e promete integrar pagamentos online e através do NFC, garantindo segurança e praticidade aos usuários. Outra vantagem é que por ser um sistema aberto ele poderá ser utilizado por todas as fabricantes que utilizarem o Android como sistema operacional, não estando os usuários "reféns" de determinada empresa.



Uma das funções que prometem blindar a segurança do Android Pay é o suporte nativo ao reconhecimento biométrico. Até então empresas que utilizavam sensor de impressões digitais em seus dispositivos, como Samsung e Motorola, tinha que fazer modificações próprias no Android para que ele suportasse o serviço.

Economia de energia e USB Type-C

Os gadgets em geral estão cada vez mais modernos, mas um componente que não acompanha essa evolução é a bateria. Para otimizar o gerenciamento de energia o Android M contará com um recurso chamado "Doze", que promete detectar as condições de uso do aparelho para cortar o processamento de aplicativos não utilizados. De acordo com o Google em alguns dispositivos o salto na autonomia pode até dobrar, como ocorreu com os testes realizadas com o Nexus 6.



O novo Android M também traz suporte nativo para os códigos das conexões USB-C, que além de ser mais prática, conectando-se em qualquer dos lados, ainda permite a transferência de energia de um gadget para outro. Com esse recurso você poderá usar a carga da bateria de seu smartphone para recarregar um outro aparelho.

Disponibilidade

O Android M em versão Developer Preview já está disponível a partir de hoje (28) para os aparelhos Nexus 5, Nexus 6, Nexus 9 e Nexus Player, sendo que a versão final somente deve ser liberada para o público em geral no terceiro trimestre deste ano.
Via Google

Google+

Sobre Flávio Prado

Entusiasta de tecnologia e fundador dos sites www.tech4fan.com.br e www.samsungdiscovery.com e também colaborador do TecheNet.com. Tem grande interesse nas áreas mobile e de computação pessoal.