Vendas do iPhone SE não empolgam na primeira semana


O iPhone SE, que tem tela de 4" e especificações técnicas poderosas, não conseguiu o impacto inicial previsto pela Apple na primeira semana de vendas, tal como corriqueiramente ocorre com os produtos da Maça.

Segundo um levantamento da Localytics, ele ainda é o modelo com menor fatia de mercado entre as recentes gerações de smartphones da Apple. O gráfico mostra que o iPhone SE ocupa apenas 0,1% da faixa de mercado da Apple, atrás de todos os outros modelos a partir do iPhone 4 (que é o próximo da lista, com 2% de adoção). O líder incontestável é o iPhone 6, com 33% dos consumidores sendo dono de um.


O modelo SE não foi capaz nem mesmo de substituir o iPhone 5S, justamente o modelo de 4" em que ele foi inspirado e agora tenta desbancar. Vale lembrar que o gráfico mostra apenas a situação atual e ela pode mudar daqui para frente, com análises e promoções favoráveis, por exemplo.

O impacto de mercado de cada geração do iPhone atualmente. Segundo a Localytics, falta algo que convença o consumidor que já possui um iPhone de tela pequena a migrar para o novo aparelho. E tem outra coisa: nas últimas duas semana, os iPhones de tela grande (iPhone 6, iPhone 6s e suas respectivas versões Plus) não param de subir nesse ranking, indicando que o público está mesmo dividido pelo tamanho do display.

Google+

Sobre Flávio Prado

Entusiasta de tecnologia e fundador dos sites www.tech4fan.com.br e www.samsungdiscovery.com e também colaborador do TecheNet.com. Tem grande interesse nas áreas mobile e de computação pessoal.